domingo, 15 de abril de 2012

Vencendo obstáculos...




A vida é cheio de desafios...
E nosso maior desafio muitas vezes somos nós ... porque desistimos muito fácil.
Ficamos pelo caminho quando enfrentamos os menores  obstáculos  e acabamos desistindo...
Lembro quando fazia faculdade de Direito...
Todo semestre dizia que ia parar de estudar queria descansar uns 6 meses e depois retornar.
Era uma luta...ficava pensando  se parar agora vou ter que voltar em outra turma, ver meus amigos se formando em quanto eu parei, vai me doer o coração, e ficava com medo de acabar não voltando. Vivia cansada e muitas vezes com alto nível de stress, pois estudava, cuidava de uma empresa que passava por momentos difíceis, era mãe, dona de casa, tinha minhas atividades na igreja e de quebra era perfeccionista. Por duas vezes fui  parar no hospital com um nível alto de stress. Minha médica vivia puxando minha orelha, dizendo que precisa ir mais devagar.
Mas com muito custo venci algumas barreiras.
E minha maior barreira foi vencer a mim mesma...lutei contra minha vontade de desistir e de entregar os pontos. Confesso que orei muito a Deus pedindo forças...
Com essa minha mania de ser perfeccionista querer sempre tirar notas altas e dar meu melhor em tudo que faço, me sacrifiquei muito. No final do curso, escolhi para ser meu orientador  o Coordenador do Curso de Direito, um homem que tirava meu chapéu, pela ética, postura, um verdadeiro exemplo, um currículo invejável, Doutor Honoris Causa, com vários títulos fora do país, um ícone no meio jurídico. Todos diziam que deveria estar louca ao escolhe-lo, pois certamente não me daria uma nota boa, porque era extremamente exigente e nunca deu um 10 a ninguém. Mas, como ele dava aula de ética e o  admirava por sua postura   como educador e profissional, e como me encantava com as coisas que dizia. Resolvi falar sobre ética e política, minha paixão,  e o escolhi para ser meu orientador. Ele não estava orientando mais ninguém, dava aula para pós e mestrado, mas ficou encantado com o tema e resolveu me orientar. Até hoje quando lembro a forma como me tratou e se interessou pelo assunto, vejo que fui uma privilegiada. Pois meus amigos comentavam a forma como alguns professores o orientaram, sem interesse, sem vontade e com descaso. Mas o Dr. Neli me emprestou diversos livros, mandava eu ler, se envolveu, me dizia se o assunto era ou não interessante. Percebia que os olhos  brilhavam... ficava encantado com as coisas que escrevia e com a minha pesquisa sobre o assunto. Vira e mexe mandava me chamar pra ir a sua sala e  arrumava mais material ou simplesmente me orientava. E assim foi ... No dia da apresentação. Estava nervosa porque além do Dr Neli, estava fazendo parte da mesa a Orientadora dos TCCs Dra Saadi e o  Prof Junio de direito empresarial Joutra pessoa exigente. Foi uma mesa difícil, no dia pensei porque fiz isso, que loucura a minha. Quando vi a sala estava cheia muito alunos que precisavam  cumprir hora e outros por curiosidade. Mas tirei 10 e o Dr Neli, lembro que após a apresentação ele e outros professores se levantaram e me aplaudiram, não esperava por isso, fiquei emocionada. Dr Neli passou minha tese a um professor sociólogo e pediu que fizesse palestras sobre assuntos em outras faculdades e entidades. Foi então que fiz algumas palestras.
Logo em seguida participei de um concurso, como representante da turma, para selecionar quem seria o orador e nessa seleção, ganhei. Não me lembro o numero de participantes, mas eram representantes de varias turmas de outros cursos, resolvi de ultima hora que participaria, montei meu texto e ganhei. Fui a oradora em um ginásio e esportes com mais de 5 mil pessoas. Só dei por mim o que estava realmente acontecendo no dia. Pensei ... meu Deus o que eu fiz que loucura, não vou conseguir falar. Mas deu tudo certo!!
Quando passei na OAB, fui chamada pra ser oradora dos novos advogados e lá fui eu. Enfim, quando comecei o curso de direito, não era nada, apenas uma aluna, que começou a faculdade depois de ser mãe e esposa e com muita luta e sacrifício.Mas cheguei até o final.
Com a minha história não quero dizer que fui ou sou melhor que ninguém. Eu não sou nada apenas uma batalhadora.
Mas, quero afirmar que quando você se propõe a fazer algo com garra, dar o seu melhor, com determinação e com os joelhos dobrados pedindo forças a Deus. Deus pode te dar a vitória e essa vitória pode sair muito melhor do que você planejou.
Com isso tudo aprendi uma grande lição..
Que vale a penas insistir, persistir , nunca desistir e principalmente confiar em Deus, porque Ele nos ajuda a vencer os obstáculos!!!

Ana Lucia Steiner - 15-04-2012

Algumas fotos: 
                             Com  DrNely Lopes Casali  "in memoriam"


 



Algumas fotos: 

4 comentários:

  1. Linda amiga!!
    Que linda sua mensagem e lição de vida, pois muitos desistem no meio do caminho.
    Pensamento:
    QUANDO TUDO CORRE MAL
    COMO AS VEZES ACONTECE
    E TEU ÁSPERO CAMINHO
    SUBIDAS SÓ TE OFERECE.

    QUANDO TENHAS POUCO HAVER
    ANTE O MUITO QUE PAGAR
    ENTÃO PRECISES SORRIR
    COM VONTADE DE CHORAR

    QUANDO A DOR INSUPORTÁVEL
    JÁ NÃO POSSAS RESISTIR
    CLARO!!
    DEVES DESCANSAR
    POREM JAMAIS DESISTIR

    PARABÉNS PELA SUA LINDA MENSAGEM.
    QUE DEUS TE ABENÇOE EM TODAS SUAS DECISÕES
    A M I G A ♥ I R M Ã

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Ivone!! Como sempre ...usando de palavras carinhosas e um jeitinho muito especial. Gosto muito de vc!! Bjos

      Excluir
  2. Que linda mensagem Ana Lúcia, grande exemplo.O sonho foi maior que o medo, por isso não desistiu.Mim emocionei com sua História, valeu a pena!Sucesso ...Bjs Kellem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela visita e pelas palavras Kellem ..bjos

      Excluir